<%@LANGUAGE="JAVASCRIPT" CODEPAGE="1252"%> Saint Germain Kosher
 
Rua Manuel Guedes, n. 110 - Itaim Bibi
São Paulo - SP
Tel. (11) 3167-5400

Nossos produtos Kosher são fabricados em nossa loja de São Paulo. Em breve estaremos fabricando também em nossa loja de Curitiba-PR.
 
A palavra “kosher” significa “adequado” e, quando se refere à comida, é aquela boa para consumo de acordo com a Lei Judaica.

Pão trançado ou redondo, brilhante, que se originou no sul da Áustria e na Alemanha, na Idade Média, e é consumido no Shabat e em todas as outras comemorações religiosas e eventos festivos judaicos.
As mulheres judias costumam assar duas chalot (plural de chalá) na sexta-feira em honra ao Shabat. Vários costumes cercam sua produção. Em Trípoli (Líbia), por exemplo, misturam-se à massa algumas sementes, símbolo de fertilidade. No Marrocos, adicionam-se nozes, uvas passas e anis, simbolizando a doçura e a fertilidade. Na Europa Oriental, é também comum assar-se chalot com uvas passas.

Comemorado toda semana, de sexta-feira ao entardecer até sábado no início da noite. Dia sagrado de descanso. Fisicamente, o Shabat atende a uma necessidade básica do ser humano. O descanso é o corolário indispensável do trabalho. Nesse dia, o homem não está sujeito às tensões e às exigências da vida cotidiana.  Socialmente, o Shabat é a essência da legislação democrática. É o clímax da justiça no sentido de que nesse dia, pelo menos, não há distinção de classe ou posição social. Todo ser humano tem direito a um dia de descanso semanal. No Shabat somos todos iguais.

Os alimentos que não são nem carne nem leite são chamados parve . Isto significa que eles não contêm carne ou leite, nem seus derivados, e que não foram cozidos ou misturados com nenhum alimento de carne ou de leite. Paes, ovos, peixes, frutas, hortaliças, grãos, cereais e sucos naturais, massas, refrigerantes, café, chá e muitos tipos de balas e lanches são exemplos de alimentos parve.
Um item parve torna-se laticínio ou derivado de carne se for preparado junto com alimento de uma dessas categorias. Por exemplo: um macarrão na manteiga é considerado laticínio, perdendo seu status parve e tendo que ser servido em utensílio próprio para leite, neste caso .
 

Termo usado para alimentos de panificação em que todos os ingredientes são Kosher e assados em forno aceso por um judeu que cumpre as leis da Torá e seja Shomer Shabat.

 

As ruínas do muro ocidental do Segundo Templo de Jerusalém, de cerca de 340 a.C., destruído pelos romanos em 70 d.C. Conhecido como Muro das Lamentações porque para este local sagrado vêm judeus, em peregrinações, para orar pelo  templo destruído e por sua  reconstrução. Os cânticos e preces soam como lamentações, daí o nome. Os judeus acreditam que a "presença divina nunca abandona o Muro".
O muro, na face oeste do templo, tem 48 metros de comprimento e 18 de altura.

Veja o Muro das Lamentações em 360 graus (necessário instalar QuickTime Player).

Fale conosco:
saopaulo@saintgermain.com.br